Dieta Cetogénica Proteica vs Diabetes Mellitus

Segundo as mais recentes noticias, trinta por cento da população que sofre um enfarte ou um acidente vascular cerebral (AVC) tem diabetes, de acordo com os dados de 2015. Ao juntarmos a este dado a estimativa dos especialistas que calculam que o número de portugueses que tem diabetes deve rondar 1 milhão e 100 mil, estamos perante um número de potenciais vitimas de AVC realmente assustador.

Mas o cenário é mais negro, mesmo quando se pretende agir: mais de 40% das pessoas que têm diabetes não sabem que já a têm. O risco de atraso no diagnóstico e tratamento é muito elevado, está associado também ao maior risco de complicações e quantas mais as complicações, maiores os custos: o que se gasta com medicamentos, com a vigilância da diabetes, nas consultas e nas complicações. Em média, para a mesma patologia, as pessoas com diabetes estão mais 3 dias internadas em relação às pessoas que não têm a doença.

E o estudo da doença continua a revelar associações potencialmente mortais mas evitáveis: a diabetes e a obesidade, combinados, podem ser potenciadores de cancro e estarão na origem de 800 mil cancros no mundo em 2012. É a conclusão de um estudo do Imperial College de Londres. 

Quase 6% de novos casos de cancro no mundo, naquele ano, foram causados pelos efeitos combinados da diabetes e do excesso de peso. Nos 12 tipos de cancro estudados, os dois factores foram responsáveis por 800 mil novos casos de cancro.

Vistos individualmente, o excesso de peso foi responsável por quase o dobro de casos de cancro, sendo-lhe atribuído 544.300 casos, contra os 280.100 casos atribuídos à diabetes.

Ainda segundo o estudo, divulgado na revista “Lancet Diabetes e Endocrinologia”, um em cada quatro casos de cancro relacionados com a diabetes foi atribuído ao aumento mundial da diabetes entre os anos de 1980 e 2002. E quase um terço dos casos de cancro relacionados com obesidade foram atribuídos ao aumento do número de pessoas com excesso de peso, no mesmo período.

Segundo os autores do estudo, caso as taxas globais de diabetes e de excesso de peso continuem a aumentar no mundo, os casos de cancro atribuíveis aos dois fatores vão aumentar em 30% nas mulheres e em 20% nos homens, até 2035. A maioria dos casos de cancro foi detetada nos países ocidentais.

Em Portugal a diabetes afeta mais de um milhão de pessoas e é diagnosticada a cerca de 200 novos doentes por dia. A este número juntam-se mais de dois milhões de pessoas com pré-diabetes.

Com meios de diagnóstico eficazes, a prevenção é a principal arma. A consulta regular de clinica geral, que permite a monitorização dos factores de risco e despiste da doença através dos meios auxiliares de diagnóstico, é um passo fundamental. O outro passo ainda está por ser interiorizado pela população em geral e pela classe médica em particular: a consulta de nutrição pode prevenir a diabetes tipo 2 ou, quando instalada, controlar completamente a doença.

Não sendo a única alternativa, a aplicação do Método Slim7 é indicada nas situações de pré-diabetes e diabetes tipo 2, onde muitas vezes a rápida perda de peso é sinónimo de melhoria imediata dos factores de risco e sintomas da doença.

Neste ambito, disponibilizamos este e-book que melhor o informará sobre a doença e a aplicação do nosso método para fazer face a este problema.

Vantagem da Dieta Cetogénica Proteica na Diabetes Mellitus Tipo 2

bibliografia do artigo:

  1. http://rr.sapo.pt/noticia/105507/diabetes-sem-coracao-doenca-e-causa-de-um-terco-dos-enfartes-e-avc
  2. http://rr.sapo.pt/noticia/99548/diabetes-e-obesidade-combinados-podem-potenciar-cancro
  3. http://expresso.sapo.pt/sociedade/2018-06-18-Investigacao-prova-que-o-diagnostico-da-diabetes-e-possivel-atraves-de-uma-unica-amostra-de-sangue#gs.PO2sVIs

p.s.- É com enorme agrado que a Slim7 disponibiliza este e-book da autoria do nutricionista estagiário Filipe Rebelo, aproveitando também para agradecer a possibilidade de passagem de conhecimento sobre a Dieta Cetogénica Proteica – Método Slim7, algo que nos deu profundo prazer. É com indisfarçável orgulho que sabemos que existe mais um nutricionista completamente capacitado para a utilização desta ferramenta, distinguindo-se desta forma pela positiva dos seus colegas, esperando que o conhecimento adquirido lhe seja útil no mercado de trabalho. Que este conhecimento seja utilizado para a finalidade primeira enquanto nutricionista que é melhorar a saúde das pessoas com que se irá cruzar na sua consulta.

Post by Mario Santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.